• Redação Mário Sorrentino

Secretarias de saúde de Conde e do estado promovem grande ação de combate à Malária



A Prefeitura de Conde por meio da Secretaria de Saúde realizou neste último sábado (13), o “Dia D de Combate à Malária”. A ação intersetorial que mobilizou todas as Secretarias e Coordenadorias da gestão municipal, realizou testes rápidos, conscientização da população, esclarecimentos sobre sintomas e de como se prevenir contra a doença. As equipes da Secretaria de Estado da Saúde também participaram da atividade.


De acordo com a Secretária de Saúde, Renata Martins, a ação foi concentrada na região do litoral, por ter sido a área de onde saíram os três casos confirmados da doença. Estamos concentrando as equipes de ACS e ACE nas áreas de Jacumã, Carapibus e Rio do Ouro, por terem sido as áreas onde as pessoas diagnosticadas residem, então hoje estamos nessas áreas para orientar a população a como proceder em casos de sintomas suspeitos e realizar os testes rápidos, para que seja descartado qual quer suspeita, destacou.


Morador da comunidade Rio do Ouro, o senhor Manoel Félix já teve a doença outras vezes, pois trabalhou muito tempo na África e hoje durante a ação, fez o teste rápido que deu negativo e reforçou que todos precisam se cuidar para que não tenham outros casos. É muito importante que todo mundo se cuide. Não depende só da prefeitura, cada um tem que cuidar na sua casa, se prevenir. É uma tarefa que deve ser cumprida em união, afirmou seu Manoel.


Juliana Santos, mora em Carapibus e trabalha em Jacumã e falou que esse esclarecimento é muito importante para a população. Todos ficamos assustados, mas com o esclarecimento da situação, como devemos proceder e procurar no caso de qualquer sintoma, nos deixa orientados as atitudes a serem tomadas, é  muito importante a gente esta sempre bem informado, porque as vezes  criam pânico desnecessário, ressaltou.


Durante toda a atividade, foram distribuídos materiais informativos além de reforçar as medidas que podem ser tomadas para evitar o surgimento de novos casos. O uso de repelente, evitar áreas de  matas e rios, principalmente no início da manhã e final da tarde (horários que o mosquito costuma agir e se reproduzir), usar roupas claras, mosquiteiros e evitar o acúmulo de lixo e água parada.


De acordo com a Secretaria de Saúde do município, qualquer sintoma suspeito como, febre, calafrios, mal estar, cansaço, fraqueza, dor lombar e dor de cabeça, a pessoa deve procurar a Unidade Básica de Saúde mais próxima de sua residência para que seja feito o teste rápido ou o de gota espessa. O Pronto Atendimento (Policlínica), no Centro de Conde, que funciona 24 horas por dia, também está atendendo casos suspeitos e realizando os testes. Como os sintomas são parecidos com os de outras patologias, como a zika, dengue e chicungunya, é de fundamental importância procurar o serviço de saúde, para que todos os procedimentos necessários sejam realizados.



#saude #secretaria #conde #malaria #prefeitura

© 2017 por Mário Sorrentino. Orgulhosamente criado pela Equipe.

  • Facebook - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle
  • Twitter - Círculo Branco
  • YouTube - Círculo Branco