• Redação Mário Sorrentino

Secretaria da Agricultura Familiar discute potencialidades da região com associações da Zona da Mata



O secretário de Agricultura Familiar e Desenvolvimento do Semiárido, Luiz Couto, esteve reunido nesta segunda-feira (25), na cidade de Mamanguape, com o colegiado do Desenvolvimento Territorial Rural Sustentável da Zona da Mata Norte para discutir estratégias de fortalecimento de espaços e potencialidades com foco em projetos e programas da agricultura familiar no Estado.

O Estado conta com 15 territórios e cada um possui um recorte específico de trabalho dentro da cadeia produtiva da agricultura familiar. “Vou dialogar com todos os territórios para conhecer suas especificidades e demandas. Estou aqui para acompanhar a reunião e analisar as propostas que vão fazer parte da elaboração de um projeto constituído de todas as demandas e vamos apresentar ao governador”, disse.

Os 19 municípios que compõem o Território da Zona da Mata Norte têm assento no colegiado e estão aptos para decidirem quais as potencialidades devem ser trabalhadas por cada localidade.

Segundo a coordenadora, Marcia Dorneles, a secretaria executiva do colegiado se reúne mensalmente para tratar dos assuntos ligados a cada movimento que faz parte do território. “Nós estamos num processo de construção e fortalecimento dos territórios desde 2003, hoje faz parte desse território assentados da reforma agrária, pescadores, indígenas, mulheres, câmara de juventude, enfim já obtivermos muitos avanços, mas o trabalho de fortalecimento, a formação de cada pessoa e entidade deve ser constante, e a vinda do secretário Luiz Couto é muito representativa para todos nós”, ressalta Marcia.

Estiveram presentes à reunião a prefeita de Mamanguape, Maria Eunice Pessoa, e os deputados estaduais Jeová Campos e Ricardo Barbosa.

© 2017 por Mário Sorrentino. Orgulhosamente criado pela Equipe.

  • Facebook - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle
  • Twitter - Círculo Branco
  • YouTube - Círculo Branco