© 2017 por Mário Sorrentino. Orgulhosamente criado pela Equipe.

  • Facebook - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle
  • Twitter - Círculo Branco
  • YouTube - Círculo Branco
  • Redação

Profissionais da Educação de Conde participam de formação em Educação Socioemocional



Os professores e professoras da rede municipal de ensino de Conde, participaram de uma formação em Educação Socioemocional. A metodologia, desenvolvida de forma inovadora desde 2018, foi implantada por meio de uma parceria entre a Secretaria de Educação, Cultura e Esportes do município e a Inteligência Relacional, que há mais de 10 anos atua na área e tem como compromisso contribuir para o desenvolvimento integral do ser humano.


A Educação Socioemocional consiste num processo educativo, regular e permanente que objetiva ensinar os estudantes a lidar com as suas emoções e a desenvolver habilidades para regulá-las. Para isso, nas aulas, que acontecem como as disciplinas tradicionais, a exemplo de História, Matemática e Língua Portuguesa, os estudantes vivenciam atividades nos livros, que são contextualizadas com o seu cotidiano e participam de práticas como Grupos de Diálogo, Danças Circulares e Momento das Emoções.


Na Formação Inicial para o desenvolvimento da metodologia no ano letivo de 2019, participaram gestores, supervisores e educadores de toda rede pública de ensino de Conde, sendo eles do Ensino Fundamental I e II e da Educação de Jovens e Adultos (EJA), além da equipe técnica da Secretaria Municipal de Educação. No encontro, os consultores pedagógicos da Inteligência Relacional apresentaram os fundamentos e conceitos que permeiam o desenvolvimento teórico e prático da Educação Socioemocional em sala de aula.


Durante as atividades, os profissionais detalharam o cronograma de atividades e a sequência psicopedagógica presente na aula da metodologia, realizada em uma hora aula, uma vez por semana. Durante a formação, também foi apresentado o material pedagógico exclusivo, composto por livros que trabalham estratégias envolventes e lúdicas, atividades e conteúdos pertinentes à faixa etária de todos os alunos e alunas.


O Secretário Adjunto de Educação, Júnior Caroé, reforça que a Educação Socioemocional é uma temática atual e com o funcionamento comprovado por pesquisas conceituadas. “Com essa proposta educacional sabemos que é possível diminuir a violência na comunidade escolar e na sociedade. Começando a mudança dentro de sala de aula, a gente tem certeza que os pais e a população sentirão isso. Continuamos com esse trabalho nas escolas para que a gente possa desenvolver o que existe de melhor nos nossos alunos”, afirmou.


Para a professora do Ensino Fundamental I e II, Rosineide de Oliveira, é fundamental que o educador trabalhe com os alunos todos os fatores que influenciam na vida acadêmica deles. “Promover a consciência emocional é muito importante, uma vez que precisamos saber como lidar com as emoções e suas funcionalidades. Com o apoio dessa metodologia, reforçada nessa formação, conseguimos alcançar mais o estudante, ajudando, acolhendo e isso tudo mudou até mesmo nossa forma de atuar”, destacou.


Resultado de 2018


As Avaliações de Resultados da Inteligência Relacional aplicadas no início e no final do ano de 2018 constataram que 37% dos alunos reduziram os comportamentos violentos e conflituosos em sala de aula. Além disso, 42% estão desenvolvendo relações mais harmônicas e pacíficas, 44% estão regulando melhor suas emoções e impulsividade e outros 42% estão conseguindo, a partir desse trabalho, identificar as emoções que sentem nas diversas situações do dia a dia.