• Redação Mário Sorrentino

Procon-PB orienta consumidores sobre os cuidados e direitos no aluguel de temporada

A Autarquia de Proteção e Defesa do Consumidor da Paraíba (Procon-PB), esclarece alguns cuidados que o consumidor deve ter ao alugar imóvel por temporada. De acordo com a superintendente do órgão, Késsia Cavalcanti, o consumidor deve ficar cauteloso: “período de carnaval sempre há muita procura em alugar imóvel por curto período, o consumidor deve ficar atento e pesquisar bastante para que os momentos de lazer não sejam atrapalhados por aborrecimentos”, esclareceu.


Leia abaixo algumas orientações da superintendente do Procon-PB.


- FAÇA SEMPRE UMA BOA PESQUISA


A superintendente recomenda que antes de alugar o imóvel, o consumidor deve pesquisar bastante. “É importante buscar informações de referências sobre a idoneidade do locador, imobiliária ou da credibilidade do site. Consulte órgão de defesa do consumidor ou comentários na internet de ex-hóspedes”, orienta Késsia.


- VERIFIQUE A LOCALIZAÇÃO DO IMÓVEL


Vale consultar o endereço no Google Maps, ou ferramentas similares e verificar a distância do imóvel até os principais pontos que pretende visitar. Observe também as condições de acesso ao local e a infraestrutura da região, esclareceu.


- DE OLHO NO CONTRATO


Observe se o contrato está detalhando o que foi acertado verbalmente. Deve discriminar as datas, estado de conservação dos móveis – se for o caso, a forma de pagamento e entrega das chaves. Ao fim da locação, faça nova vistoria.


- PRAZO DE LOCAÇÃO


O prazo de locação por temporada não pode ultrapassar 90 dias. Exija recibo de todas as quantias pagas.


- OFERTA DESCUMPRIDA


Se as condições da casa forem diferentes do que foi prometido, o inquilino tem o direito de exigir a devolução do valor pago. Para tanto, ele precisa desistir de ficar no imóvel. Se optar por permanecer no local, o consumidor pode negociar um abatimento proporcional no preço.


- LOCAÇÃO PELA INTERNET


Se contratar pela internet, salve ou imprima as telas, busque contato com o responsável pelo imóvel e saiba que, o site que realiza a intermediação também responde em caso de problemas.


- TEVE PROBLEMAS?


Se houver problemas, tente resolver amigavelmente com o fornecedor e, caso não obtenha sucesso, procure o Procon mais próximo, dúvidas e reclamação, ligue 151. Finalizou Késsia.

© 2017 por Mário Sorrentino. Orgulhosamente criado pela Equipe.

  • Facebook - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle
  • Twitter - Círculo Branco
  • YouTube - Círculo Branco