• Redação Mário Sorrentino

Nesta quinta-feira(28), está sendo realizado o seminário Estadual do Ministério do Trabalho na PB


O evento foi organizado pelo SINTSERF e pela DS SINAIT da Paraíba. Durante a abertura, o Vereador de João Pessoa, Marcos Henriques, mostrou aos presentes que os ataques a área social já vêm ocorrendo há alguns meses. Neste diapasão, lembrou que promoveu uma audiência pública na Câmara Municipal de João Pessoa, no sentido de reverter a portaria editada pelo Ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira, que alterou a legislação inerente ao combate ao trabalho escravo.


O Superintendente Regional do Trabalho Substituto e AFT, Abilio Sérgio, realçou a importância do seminário. Enfatizou que eventos deste porte permitem uma maior interação entre os servidores, abrindo a mente de todos para temas importantes nos seus dia a dia. Abilio disse que o momento é crítico, tendo em vista que, no momento, não existe qualquer definição oficial acerca do futuro do Ministério do Trabalho.


O Presidente da DS SINAIT da Paraíba, Einstein Coutinho de Almeida, afirmou que todo o imbróglio vivenciado, no atual cenário, tem por base reduzir a amplitude dos grupos que atuam em favor do aspecto social. Neste contexto, deixou claro que a Auditoria Fiscal do Trabalho está inserida nesta vertente. Desta forma, conclamou os presentes a divulgar, de forma contundente, a importância do Ministério do Trabalho e, por conseguinte, da Auditoria Fiscal do Trabalho.


Em seguida aos discursos, os presentes tiveram a oportunidade de assistir duas palestras. A primeira proferida por Sindival Moraes de Sousa, pós Doutor em sociologia da ciência e professor da Universidade Federal da Paraíba, versou sobre “A conjuntura atual e seus impactos para os servidores e serviço público”. A segunda palestra foi ministrada pelo Presidente da DS SINAIT da Paraíba, Einstein Coutinho de Almeida. Abrangeu o tema: “Estado Mínimo”.

© 2017 por Mário Sorrentino. Orgulhosamente criado pela Equipe.

  • Facebook - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle
  • Twitter - Círculo Branco
  • YouTube - Círculo Branco