• Redação Mário Sorrentino

Covid-19: Brasil bate recorde de casos e registra 888 óbitos em 24 horas


Um dia após o Brasil registrar o pior dia da pandemia, com mais de mil mortes pelo novo coronavírus, o Ministério da Saúde anunciou nesta quarta-feira (20) que o país teve 888 óbitos nas últimas 24 horas, elevando o número total para 18.859. Segundo os dados, existem 291.579 pessoas infectadas em todo o território brasileiro, sendo que 19.951 casos foram confirmados entre ontem e hoje, um novo recorde que supera a quantidade do balanço anterior, quando foram identificados 17.408 infectados.


O Ministério da Saúde ainda informa que 3.483 falecimentos estão sendo investigados e 156.037 casos seguem em acompanhamento médico. Ao todo, 116.683 pacientes já se recuperaram da Covid-19. Com os novos números, o Brasil mantém a 3ª colocação no ranking de países com mais pessoas contaminadas, atrás apenas dos Estados Unidos (1.548.646) e Rússia (308.705). Além disso, o país liderado por Jair Bolsonaro ocupa o 6º lugar na lista de nações com mais vítimas.Aparecem na frente Estados Unidos (92.712), Reino Unido (35.785), Itália (32.330), França (28.135) e Espanha (27.888), conforme levantamento da Universidade Johns Hopkins.

O estado de São Paulo continua sendo o epicentro da doença, com 69.859 casos confirmados da Covid-19 até o momento. Em seguida vem Ceará (30.560), Rio de Janeiro (30.372), Amazonas (23.704) e Pernambuco (22.560).



Já em relação aos óbitos, São Paulo também aparece na frente, com 5.363. Na sequência estão Rio de Janeiro (3.237), Ceará (1.900), Pernambuco (1.834) e Amazonas (1.561).


Hoje cedo, o governo Bolsonaro publicou um novo protocolo que orienta o uso da cloroquina e da hidroxicloroquina em casos leves da doença embora não exista comprovação científica de sua eficácia. (ANSA).




(Fonte)


#coronavirus

© 2017 por Mário Sorrentino. Orgulhosamente criado pela Equipe.

  • Facebook - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle
  • Twitter - Círculo Branco
  • YouTube - Círculo Branco