google-site-verification=x12ECGCyA0KNTkoWmjRcJ_j75nXlJ8lrVJTTDnmc1zI
 

Clementino Fraga realiza 2ª Campanha de Prevenção de Lesão por Pressão


O Complexo Hospitalar de Doenças Infectocontagiosas Clementino Fraga (CHCF), unidade da Secretaria de Estado da Saúde (SES), realizará a 2ª edição da Campanha de Prevenção de Lesão por Pressão. O evento acontece a partir desta terça-feira (20) até quinta-feira (22), com uma vasta agenda de atividades no âmbito do hospital.


A Comissão de Pele do CHCF afirma que o principal objetivo da campanha é motivar a equipe do Complexo, no tocante à tomada de atitudes preventivas e de vigilância consciente da condição de internação do paciente, com impacto direto na qualidade da assistência prestada, prevenindo o desenvolvimento de lesão por pressão.


A meta da campanha é ampliar a qualidade no atendimento de pacientes com alterações cutâneas, proporcionando cuidados multidisciplinares para o tratamento e prevenção de lesões nos usuários assistidos no CHCF.


Lesão por Pressão – A lesão por pressão é um dano localizado na pele e/ou tecidos subjacentes, que ocorre como resultado da pressão intensa ou prolongada em combinação com uma tensão e/ou fricção. Geralmente acomete pessoas que tenham seus movimentos restringidos, que estejam acamadas ou em uso de cadeira de rodas, pacientes amputados, internados em hospitais ou UTIs, além de outras condições.


Programação – A abertura da Campanha está programada para esta terça-feira (20), a partir das 13h30, no auditório do CHCF. A programação segue com apresentação de peça teatral ligada à prevenção de lesão por pressão, além de palestras enfatizando práticas seguras sobre ‘como prevenir e como agir’. Na quarta-feira (21), a partir das 14h, a equipe da Comissão de Pele do Complexo vai abordar e entrevistar os profissionais no ambulatório e nas diversas clínicas de internação. A intenção é apresentar os materiais utilizados para realizar as medidas preventivas de lesão por pressão. Na quinta-feira (22) haverá a exibição de vídeos educativos enfocando o tema em questão e sorteio de brindes entre os colaboradores.


“Chamar atenção para este problema e para a necessidade de se prevenir e tratar de forma eficaz este tipo de lesão é imprescindível, pois o aparecimento da lesão por pressão favorece o aumento de dor e sofrimento do paciente, além dos riscos de infecção. Ações de Educação Permanente em Saúde como esta proporcionam a troca de conhecimentos entre os profissionais, o estímulo à mudança nas práticas assistenciais e também o esclarecimento para pacientes e acompanhantes”, afirmou Thais Matos, diretora-geral do CHCF.