google-site-verification=x12ECGCyA0KNTkoWmjRcJ_j75nXlJ8lrVJTTDnmc1zI
 

Chuvas devem permanecer até a próxima terça-feira em João Pessoa e Defesa Civil orienta população


João Pessoa registrou nos últimos dois dias 296 milímetros (mm) de chuva. O volume supera o esperado para o mês inteiro, segundo o acompanhamento da média histórica e monitoramento da Defesa Civil Municipal. A previsão é que o final de semana seja chuvoso na cidade e que as precipitações continuem até a próxima terça-feira (18). Contudo, a Prefeitura está com mais de 200 profissionais, de diversas secretarias, nas ruas para atender aos chamados da população e monitorando as áreas de risco.


Nesta sexta-feira (14), foram registrados cerca de 100 pontos de alagamento, incluindo uma parte do Bairro São José, de onde 20 famílias foram retiradas e levadas para a Escola Municipal Nazinha Barbosa, em Manaíra. Ainda no Bairro São José, a Defesa Civil registrou um pequeno deslizamento que danificou parte de uma casa. No entanto, sem registro de feridos. Houve ocorrência de pequenos deslizamentos ainda em um trecho da Avenida Epitácio Pessoa e da Rua da Mata, no Cabo Branco. Agentes da Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana (Semob) estiveram nos locais para organizar o trânsito. Ainda no entorno da Epitácio Pessoa, na Rua do Capim, uma árvore de grande, localizada em propriedade privada, porte caiu. Mas, sem danos materiais e pessoas feridas.


“O nosso monitoramento é permanente e contínuo. Todos nós estamos empenhados na expectativa de pelo menos minimizar os transtornos que estão acontecendo por conta da chegada dessas chuvas, através da Defesa Civil e as demais secretarias”, frisa Kelson Chaves, Secretário da Defesa Civil da Capital. Ele lembrou ainda que na manhã desta sexta, equipes do órgão e de várias secretarias municipais, além do vice-prefeito Leo Bezerra, visitaram as comunidades e áreas de risco, como no Bairro São José, comunidades São Rafael (Castelo Branco) e Padre Hildon Bandeira (Torre).



Serviço – Em casos de urgência, a população pode acionar a Defesa Civil por meio dos números 0800-285-9020 e (83) 98831-6885, que funcionam 24 horas.


Orientações – Durante as chuvas, para evitar maiores problemas, a Defesa Civil orienta à população:


– Ficar em casa, saindo apenas em casos de necessidade;

– Redobrar a atenção no trânsito, manter distância entre os veículos e não exceder a velocidade para evitar acidentes nas vias alagadas;

– Desligar os eletrodomésticos para evitar que sejam atingidos por raios e queimados, assim como o perigo de choque;

– Evitar se abrigar embaixo de árvores para não ser atingido por raios;

– Ao perceber a elevação do nível dos rios, procurar abrigo em um lugar seguro;

– Ao perceber sinais de processo erosivo em barreiras, inclinação de postes ou árvores, a população deve manter distância.