google-site-verification=x12ECGCyA0KNTkoWmjRcJ_j75nXlJ8lrVJTTDnmc1zI
 

'Bundão é o senhor', rebate Datena após fala de Bolsonaro sobre jornalistas


O apresentador José Luiz Datena, 63 anos, da Band, rebateu a fala do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) que chamou jornalistas de “bundões” nesta segunda-feira (24).


“Bundão é o Jair. Bundão é o senhor. Eu não sou bundão, presidente”, disse Datena ao vivo em rede nacional.


No dia que o Brasil registra 115 mil vidas perdidas para o novo coronavírus e um dia depois de ameaçar um jornalista após ser questionado sobre depósitos de Fabrício Queiroz à primeira-dama, o presidente participou do ‘Encontro Brasil Vencendo a Covid-19’ no Palácio do Planalto, na manhã desta segunda-feira (24). Na ocasião, ele voltou a atacar os jornalistas ao dizer que, diferentemente dele, que teve a doença mas conseguiu superar com a ajuda do seu “histórico de atleta”, isso não costuma ocorrer entre os profissionais da imprensa.

“Aquela história de atleta, né, que o pessoal da imprensa vai para o deboche, mas quando pega num bundão de vocês [jornalistas], a chance de sobreviver é bem menor”, comentou.


O líder nacional também acusou os jornalistas de só saberem “fazer maldade”. “Usar a caneta com maldade em grande parte. Tem exceções, como o Alexandre Garcia, a chance de sobreviver é menor que a minha”, reforçou.


Em seu discurso durante o ‘Vencendo a Covid-19’, no qual não chegou a prestar condolências às vítimas da doença, ele ainda aproveitou para falar sobre a hidroxicloroquina, remédio que não tem eficácia comprovada contra a covid-19. “Se a hidroxicloroquina não tivesse sido politizada, muitas dessas vidas não teriam sido salvas dessas 115 mil que o Brasil chegou nesse momento”, finalizou.




(Fonte)


#bolsonaro #jornalista