• Redação Mário Sorrentino

Bolsonaro é denunciado por crimes contra humanidade ao Tribunal Penal Internacional



O presidente da República Jair Bolsonaro foi denunciado nesta quarta-feira, 27, ao Tribunal Penal Internacional por "crimes contra a humanidade" e "incitação ao genocídio de povos indígenas" do Brasil. A representação é da Comissão Arns e do Coletivo de Advocacia em Direitos Humanos.


A denúncia diz que Bolsonaro incitou violência contra populações indígenas e tradicionais, enfraqueceu a fiscalização e foi omisso na resposta a crimes ambientais na Amazônia. Agora, o Tribunal avaliará se será aberta investigação.

O TPI, cuja sede fica em Haia, foi criado em 2002, após a ratificação do Estatuto de Roma por 60 Estados. Trata-se do primeiro tribunal permanente encarregado de julgar autores de genocídios, crimes contra a humanidade e crimes de guerra.


"Aqui não encontramos um caminho eficiente. Indo para lá, esperamos estimular as forças internas do Brasil para apurarem essas questões", diz o presidente da Comissão Arns, o ex-ministro José Carlos Dias.


Também assinam a peça o ex-ministro de Estado José Gregori e os advogados Antônio Claudio Mariz de Oliveira, Eloisa Machado e Juliana Vieira dos Santos.




#bolsonaro #denuncia #crime

© 2017 por Mário Sorrentino. Orgulhosamente criado pela Equipe.

  • Facebook - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle
  • Twitter - Círculo Branco
  • YouTube - Círculo Branco